Esses coelhos estão sendo a sensação da Páscoa: eles podem ser pintados, lavados e novamente pintados!

A ideia é envolver a criança na confecção de seus brinquedos. Ao perceber que o brinquedo tem a participação dela, há a percepção de “eu posso” – o que é essencial na formação da autoestima, da autoconfiança.

De qualquer forma, se não for para a Páscoa, o coelho é apenas um dos nossos brinquedos de colorir. Há outros, como os cachorrinhos, as matrioskas – e muitos outros virão. Inclusive, há a possibilidade de fazer desenhos personalizados – já pensou que legal? Acompanhe a gente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *